Continuo a querer(te)...

Continuo a querer-te como sempre quis, continuo a sonhar como sempre sonhei, a amar como sempre amei. Continuo a querer uma história verdadeira, um amor que não acabe e um presente repleto de sonhos vividos, de mãos apertadas e de beijos sentidos. Continuo a querer, a querer um cantinho não meu mas nosso, um refúgio para as nossas almas, um lugar em que possamos pousar depois de voarmos livremente. Continuo a acreditar, a acreditar num futuro sem fim, num presente repleto de sorrisos e no poder do querer, do sentir, do desejar. Continuo a seguir os meus caminhos, em projectar um destino, a ser fiel ao que sempre fui. Continuo a saber por onde ir, com quem ir, continuo a desejar, a desejar-te. Não quero muito, não desejo muito, apenas e somente, um amor que não pare de crescer, um respeito que nunca acabe, um querer que nunca se dissipe, um toque de felicidade e uma pitada de saúde. O que quero é que este meu acreditar não acabe, que os valores não acabem, que as pessoas como tu não acabem e que os sorrisos não se apaguem. Quero que esta luz continue acesa em mim, quero não me perder, porque aqui eu encontrei-te, porque aqui consigo respirar. Continuo a querer-te como sempre mas agora, agora, quero-te com mais força...



Em todo o lado errado existe um lado certo, em todo o tempo perdido encontra-se um tempo encontrado, em todo o silêncio entende-se uma melodia perceptível  em toda o sonho habita uma escolha, em cada caminho percorrido reside uma esperança, em cada dia existe uma vontade e essa vontade tem o teu nome...



Comentários

  1. Ola =)
    Bem venho dar-te os parabens pelo blog. Amei.
    Espero que continues o excelente trabalho e ganhaste uma seguidora =)
    Sempre que conseguir passo por ca =)
    Beijokas

    http://ihaveparadise.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Vontades que se transformam em realidades. A força do amor dá-nos força para o querer. É nas escolhas conscientes que fazemos caminhos acontecer e avançar. E um dia alguém disse-me “ Eu sou o amor e sou para ser vivido sem medos ou reservas”. E é na infinidade de um segundo que o tempo para e as almas livremente falam. Do seu baú sai amor, emoções e esperanças às lembranças neste encontro de almas. O amor é liberdade num amar sem reservas ou amarras. É um voar sem asas e ao ninho regressar para no seu aconchego ficar. O verdadeiro amor faz-nos livres por dentro e nada nos amarra ou aprisiona por fora. Louva-se o céu pela brisa que nos faz ver que o remédio é o amor dessas divinas presenças. Testemunhos de um destino implacável que abre corações e olhares na teimosia do amar. Na vida um triunfo, sobre a cegueira um despertar sob a luz a renovar e nas forças o caminhar.

    Beijinhos
    De Liberdde

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boa noite,

      Palavras sábias de quem, certamente, luta e dá de si para viver um grande amor, para viver a vida segundo a sua vontade.
      Muito obrigado pelas palavras.

      Um beijo :)

      Eliminar
  3. Não tem que agradecer. Eu vejo o amor numa forma livre e sem amarras. Brota das profundezas da alma sem impostos e muito menos imposto. É livre, é de uma forma maravilhosa e selvagem que voa e desperta sem darmos conta. A partir do momento que nos abrimos para o mundo, abrimo-nos para o amor. Abrimos as portas ao olhar da alma e deixamos fluir o que de mais puro nela existe e essa essência renasce ou nasce desse cofre inconsciente que temos e nem damos conta. Bebemos dessa fonte cirstalina...saciamos a sede, ficamos completos. Eu tento viver a vida com garra e determinação. Respondo quando livremente escuto o meu coração....residência da nossa alma. Fiz a minha voz chegar a todos os cantos do Universo na busca desse amor e louvo ao céu a sua oferenda. E se hoje morresse, iria feliz, porque, tive a oportunidade de encontrar e dar-lhe a mão. E que as minhas palavras o motivem a nunca desistir desse amor. A vida é muito curta e temos que aproveitar em tudo o que ela nos dá.
    Um beijo :))
    De Liberdade

    ResponderEliminar
  4. Palavras que encantam quem as lê. Palavras escritas de quem todas elas as sente e vive no coração. Escreves com alma, com amor, com garra. Quem acredita luta, quem luta pode vencer, quem vence será feliz... acredito que tu já és feliz pelos pequenos momentos que na vida vais conquistando. Nunca deixes que acreditar, de querer, de lutar, porque és um homem, como há poucos, um homem que não tem vergonha de exprimir seus sentimentos. A vida é um sopro de ar, aproveita-a, vive-a... Beijinho de boa noite

    ResponderEliminar
  5. Muito bom, mas mesmo muito. Adorei, mais uma vez.

    abraço,
    Vítor

    ResponderEliminar

Enviar um comentário