Hedónico poema...


Meias palavras, palavras meias,
Vidas vividas e outras por viver,        
Sentimentos escritos e tanto por falar,
Mãos que procuram, abraços a esperar,
Sorrisos camuflados em mantos de neblina,
Olhares trocados de um destino imperfeito,
Erros cometidos e uma dor no peito,
Horas de espera e uma luta constante,
Histórias escritas em papel errante,
Vontade de correr e o mundo abraçar,
São horas de lucidez que tem fazem amar,
Amor presente em dias cansados,
Poemas escritos a ti endereçados,
São apenas palavras e nada mais que histórias,
São fragmentos de mim em forma de memórias...


Se há coisas boas no nosso viver, uma delas é, certamente, a intensidade que as pessoas dão a tudo aquilo que mais desejam. Amores vão e voltam, mas o que fica são os fortes, os fracos dissipam-se...







Comentários

  1. um poema do outro mundo, com uma imagem linda, linda :D
    parabéns. sempre bom aqui passar :D

    ResponderEliminar
  2. hahahaha hoje acabei de actualizar o blog e curiosamente meti uma musica deste mesmo senhor xD que coincidência, por pouco nao foi a mesma!

    Bem, mais uma vez nos encantas com um texto e com simples palavras que juntas desta forma fazem toda a diferença, adorei este poema, algo diferente, nao?

    Aquele incio de Meias palvras, palavras meias .... dá nos muito que pensar e dá até titulo de um novo e grande texto teu.


    Abraço ;)

    ResponderEliminar
  3. Também esperas um grande amor? Um abraço que tarda?
    Adoro o teu blog, os teus poemas..
    E essa musica <3

    Pois não os grandes não se dissipam, tendem a crescer de dia para dia, não desistas :)

    ResponderEliminar
  4. " coisas verdadeiras, duradouras, em que duas pessoas se amam sem barreiras nem fronteiras.
    Como sempre digo, quero um namoro real não uma encenação."
    espero um dia vir a ter isso. Espero q o consigas também.

    e muito obrigada pelo elogio.
    bjinho*

    ResponderEliminar
  5. Ohh tão simpático ! Muito obrigada e ainda bem que assim o é , digo o mesmo de ti, escreves lindamente*
    Beijinhos e um bom fim de semana para ti também :)

    ResponderEliminar
  6. Passo por aqui todos os dias só para te ler e nunca me canso, porque és surpreendentemente poeta. :)
    Obrigada pelas palavras de alento que me ofertaste ontem.

    Beijos e uma boa noite!

    ResponderEliminar
  7. Adoro. Adoro tudo. E acho que este poema é um pouco da vida que todos vivemos.

    Um beijinho

    ResponderEliminar
  8. sem duvida!!! apenas os sentimentos fortes, aqueles que marcam ficam para sempre :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário