Palavras, apenas e somente palavras...

Os desejos de cada um reflectem-se na forma como se constrói a nossa história, como se vive um amor, como nos entregamos ao sentimento. A ausência de um querer leva a um abandono do sonhar, deixar de sonhar é matar o que de melhor temos em nós, é abandonar um luta mesmo sem saber se a poderíamos ganhar...


Podemos saltar sem pára-quedas mas certamente esse salto será sentido...


Não existem barreiras nem fronteiras, quando se ama percorre-se mundo a fio para se sentir esse mesmo amor...


O amor mostra-se no silêncio das palavras, num simples toque, num só coração...


Por vezes basta um abraço, um simples abraço para mudar tudo, para se mostrar bem mais do que aquilo que fica calado, agarrado a um medo de errar...


As pessoas podem passar, os momentos podem até mesmo se dissipar mas fica sempre a recordação, essa nunca morre...


Amor e sempre o amor, o que seria de nós sem ele? 

Comentários

  1. Sem amor? Não seriamos nada, a vida deixaria de ter sentido, milhares de palavras perderiam o significado e na possibilidade de existir vida seriamos seres vazios.
    Adorei o post, gostei muito das imagens no meio o texto, dão-lhe outra vida :)
    beijinho*

    ResponderEliminar
  2. "Amor e sempre o amor, o que seria de nós sem ele?" aplica-se a tudo, faço suas, minhas palavras! Fico muito feliz por ter gostado, ate porque, amor de irmãs, será sempre assim, deste jeito!

    ResponderEliminar
  3. Ele vai ficando bem, espero :))
    sem dúvida que não seríamos nada sem o amor! adorei*

    ResponderEliminar
  4. Obrigada :)Muito difícil mesmo

    "Por vezes basta um abraço, um simples abraço para mudar tudo (...)" Completamente verdade, adorei!

    ResponderEliminar
  5. Sem amor? Seria o vazio, o preto, um apito ininterrupto, um sabor amargo, um cheiro morto...

    ResponderEliminar
  6. é tão bom, mesmo. e oh, melhor é ler este sentimento - amor nas palavras. beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Muito muito muito obrigada a sério!
    em relação a este post... Fenomenal, como sempre *

    ResponderEliminar
  8. Nem quero pensar... Mas eu sem amor não seria ninguém :/

    Está diferente mas muito lindo e as palavras, como sempre, perfeitas :)

    Beijinho

    ResponderEliminar
  9. Concordo, tem tudo a ver com a forma como nos entregamos ao sentimento. A ser, tem de ser de forma completa.

    Bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  10. O amor... ahhh o amor!!! Que nos consome, nos envolve e nos leva a caminhos nunca antes percorridos...nos leva para dentro da alma *-*

    Beijos...

    ResponderEliminar
  11. Mais uma vez,texto lindo :)
    Adoro "sentir" os sentimentos (neste caso o amor) presentes nos teus textos. É tão lindo :)
    Ha,já agora: não peças desculpa! :b
    Eu percebo que não tenhas tempo,a sério.
    Tu sabes que passas pelo meu cantinho sem compromissos ou obrigações,estás à vontade. E se não tiveres tempo,eu percebo :)

    Beijinho*

    p.s-muito obrigada pelo comentário que deixaste no meu último post.
    Todo o comentário significou muito para mim,mas quando disseste " espero que continues uma lutadora como sempre foste" admito que me deu bastante força.
    Muito obrigada a sério. És das pessoas que mais me tem ajudado aqui no blogue ao longo dos tempos,e por isso tenho de te agradecer do fundo do meu coração.
    Obrigada!! :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário