Arte como forma de expressão...

Sobre as mãos trémulas pintava o quadro da sua vida, aquela simples história ali esboçada, em forma de sorrisos, de lágrimas, de dias de sol e de noites escuras em que se perdeu. Era artista, artista da sua própria história, de momentos de amor e outros de desamores, era ele, apenas ele, sentado naquele banco, alienado de um mundo exterior à sua existência. Pintava a vida, a sua vida, aquela repleta de sonhos que viveu, de instantes que sentiu, de pessoas que foi conhecendo como a palma das suas mãos. Partiu variadíssimas vezes para nunca mais voltar, agarrou mundos, e sentiu com intensidade aquilo que de mais verdadeiro foi saboreando, simples reflexos do seu olhar, melodias que fizeram parte da sua banda sonora, do filme da sua vida. Perdeu, ganhou, escorregou em enganos e até mesmo caiu em ravinas que o sol nem conseguia lá chegar. Lutou por aquilo que quis e viveu o que sonhou, naquele momento, naquele mundo feito à medida do que um dia quis para si, daquilo que jamais deixou de acreditar. Escreveu a sua história, ergueu as suas lutas, foi guerreiro nas suas aventuras mais ousadas, nas suas vontades mais intensas. Hoje é pura arte, arte nas palavras vivas do seu escrever, é a dança do seu coração, o pintar da sua alma, o viver do seu sentir. Expressa o que sente de variadíssimas formas e é, nessas mesmas formas, que deixa sempre um pouco de si, sempre um pouco daquilo que um dia tornou-se seu, que um dia chegou para permanecer ancorado ao peito dele, ao coração que guarda o que amou, o que sentiu, o que descobriu, em uma única palavra, aquilo que ele VIVEU...



Comentários

  1. obrigada deixas-me sempre comentários cheios, e eu so tenho vontade de agradecer-te mil vezes:))

    ResponderEliminar
  2. oh andré, eu gosto tanto das suas palavras que fico sem saber o que lhe dizer. como se alguém chegasse à minha garganta e disparasse contra elas.

    ResponderEliminar
  3. a ti também , especialmente, te desejo um EXCELENTE DIA DOS NAMORADOS,. amanhã é o dia dos românticos e tu és um romântico nato, um escritor que narra o amor, o verdadeiro amor, o puro amor. parabéns por isso!

    ResponderEliminar
  4. oh, muito, muito obrigada !
    adoro como está o teu blog agora, e este post está fantástico!

    ResponderEliminar
  5. ADORO ADORO ADORO ADORO!
    Quanto ao comentário, agradeço imenso as palavras, são palavras como essas, que me dão força!
    beijocas*

    ResponderEliminar
  6. Sublinho as palavras da Maria Ines Rodrigues! Obrigada, concordo contigo :) beijinho!

    ResponderEliminar
  7. Ainda na semana passada falei sobre um assunto parecido com uma amiga: há quem se limite a ver a vida passar-lhe ao lado, protejendo-se de tudo e todos e esquecendo-se que sofrer faz parte do curso normal do crescimento. Já eu, sofri mas arrisquei logo de seguida. Deixei-me levar pelo amor e nunca fui consumida pelo ódio. Já estive bem lá embaixo e hoje em dia acho que não conseguia chegar mais alto. Já vi o sol nascer e pôr-se em locais que não sabia existir e já vivi sozinha apenas dentro de mim. Hoje sou como a personagem do teu texto, sou uma artista da minha própria arte e vivo-a com todo o coração! Tal como tenho a certeza que vives, bastando ler estas tuas palavras!
    Já agora, amei a última imagem, por razões óbvias ;)

    Adoro os teus comentários e fico sempre curiosa para receber o próximo, com as tuas palavras de carinho e incentivo. Adoro ler-te seja de que forma for! Tens uma bonita forma de te expressar e é de escritores assim que o mundo precisa! Parabéns por seres assim e por teres lutado por conseguires ser como és! Tenho a certeza que muita felicidade te aguarda no futuro!

    Um beijo!

    ResponderEliminar
  8. Ohh obrigada pelos teus comenários :) Bom saber estas coisas :) Obrigada mesmo :)

    Adoro a força que as tuas palavras me transmitem, o que elas me ensinam :) Palavras maravilhosas :)

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  9. É bom sentir/ver que alguem vive assim, de forma intensa, o que sente.

    um beijo

    ResponderEliminar
  10. Um post perfeito como sempre, meu amigo! Abraço do tamanho da vida e obrigado por estar sempre me inspirando mais e mais com suas escritas!

    ResponderEliminar
  11. Obrigada pelo belo comentário, concordo com você!
    Teu blog está lindo *-*

    ResponderEliminar

Enviar um comentário