O que se quer na Mulher...

Não importa a cor de cabelo que ostentas ou a marca de roupa que vestes, muitos menos interessam os colares que tens guardados naquela caixinha arrumadinha no quarto ou até mesmo quantos vernizes fruis na tua colecção. Não importa o teu passado, as tuas escolhas erradas ou aquilo que deixas-te por dizer. Não interessa que chegues de cabelo despenteado, com o batom mal retocado ou com olhos mal pintados. Não importa que te rias alto, que gostes de futebol ou até mesmo de beber uma cerveja numa dessas tascas que existem por aí. Um homem não procura perfeição e muito menos réplicas de uma boneca ou de uma imagem que se torna tão artificial que nem verdade se encontra no olhar. Um homem quer uma companheira, uma guerreira, alguém que se faça à vida, que não tenha medo de partir uma unha, duas ou até mesmo três. Um homem deseja encontrar uma pessoa para conversar, para amar, para tocar, para agarrar. Para que serve um corpo perfeito com uma mente tão vazia? Pois bem, mulheres e jovens que pensam o ser, um homem não quer ficar com uma imagem arranjadinha, um homem quer é um ser diferente, que tente, que arrisque, que se ame. Os homens querem é sorrir, sair, ficar, agarrar. Do que serve uma mulher apenas para passear? Pois bem, os homens, falo de alguns homens, gostam mais de se orgulhar com uma mulher que mostre opinião, que não seja incapaz de dizer nem “sim” nem “não”, um homem gosta de aventuras, um homem gosta de uma mulher que não fique com ele só porque tem de ser. Se é para ficar, um homem fica com quem lhe dá segurança, sim! – Os homens também gostam de segurança. - Agora se pensas que uma mulher interessante é aquela que leva o vestido mais curto e que provoca o olhar de todos os homens que estão num bar, enganas-te! Uma coisa é provocar o olhar outra é provocar a atenção. Como sempre defendi, tudo se perde com o tempo, o cabelo perde a força, o olhar o brilho, a pele envelhece e as curvas começam a atenuar-se. Logo, se dizemos amar, somente, baseados na aparência, o que resta depois de tudo isso se perder? Pois bem, eu respondo nada. Então um homem, um homem procura uma boa mulher, e quando falo em boa é em vários sentidos, procura alguém que saiba ficar, conversar, lutar, sonhar e até mesmo se cuidar. Um homem gosta do que dá luta, de quem o faz subir ao topo de uma árvore, o que um homem não gosta é da fruta que está no chão, porque essa dá algo passageiro, mas nunca serve para escrever uma história...



Comentários

  1. Muito bom, sou mulher e também penso da mesma forma!! :) E pelo que vejo e sei por aí só penso -cada vez mais este mundo anda perdido, as gaijas não tem juízo, não se dão ao respeito e muito menos sabem o que é a vida...mas ainda existem raparigas com cabecinha.
    Alias rio-me alto, gosto de futebol, nunca fiu adepta de roupa curta para levar a uma discoteca, nunca tive problemas em partir uma unha.
    Gosto de me cuidar, toda a mulher gosta, mas principalmente gosto de ser aquilo que sou, que sabe o seu valor, que se dá ao respeito e que nada se consegue sem esforço, dedicação e trabalho na vida.

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  2. Boa noite André! :)
    Como poderia deixar de ser, concordo perfeitamente e fico contente por ver que existe alguém que partilha uma opinião e uma forma de ver as coisas, tal e qual como eu (...).
    Do que vale uma imagem, se depois para quem realmente quer amar, só existe uma imagem, uma insegurança; um corpo sem alma e forma de estar e de pensar.
    Muitas vezes, já fui atraiçoado pelas hormonas (embora não seja um adolescente) e pela atração física. Mas depois venho a constatar, que se não fosse a minha forma de ser, o fim seria sempre o mesmo (como acaba por ser!), uma espécie de desilusão, provocada pela "constatação" que quem procura uma pessoa, muitas vezes procura um corpo e não um coração (ou pelo menos um dois em um - pois deve ser possível encontrar um ponto de equilíbrio, penso eu!).
    Espero que continues a "espalhar" essa boa forma de pensar e que partilho e concordo totalmente! Pois assim, para além de puder vir cá inspirar-me, é uma ajuda, para mim que passo a acreditar mais convictamente e para o restante mundo que pode aprender com as tuas lições.
    Sempre que puder e tiver cabeça, passarei por cá! ;)
    Obrigado! Um forte abraço :)

    ResponderEliminar
  3. Pena que nem todos pensem assim .... infelizmente vivemos num mundo de aparências, mesmo que essa, como dizes, um dia acabe e o que resta ....
    É bom ouvir que ainda existem pessoas, que procuram mais que a aparência, que procuram o interior de cada um de nós :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  4. Respostas
    1. Olá Maria,

      Muito obrigado pela visita, se tiver um blog poderá deixar por aqui o link terei todo o gosto em lá passar. :)

      Eliminar
  5. realmente… já editaste um livro? Vou comprar quando sair :) … este texto para vim é o “espelho” do que penso, também, sobre o sexo “forte” ou devo dizer oposto ;)

    ps: afinal qual é o forte?! ;)) (dava direito a crónica ;))

    Parabéns!
    Patrícia*

    ResponderEliminar

Enviar um comentário