Arrisca-te...


Pega num pouco e forma muito, percorre caminhos, agarra oportunidades e quebra as barreiras do teu próprio medo. Enfrenta tempestades, torna-te numa pessoa de valor e não te esqueças que sãs as tuas verdades que interessam. Preserva o teu coração, não vás pelos caminhos que os outros escolhem, sê diferente e procura a diferença nos outros. Arrisca com vontade, sê ousado(a) naquilo que fazes, humilde naquilo que sentes e torna-te especial, encontra alguém que te dê o valor ao que, verdadeiramente, és. Não te contentes com migalhas, não mudes por ninguém porque, quem te ama, ama cada pormenor do teu ser. Procura, sim, não fiques pelo primeiro amor, pelo primeiro encontro, pelo primeiro sinal, há que viver, há que se saber sentir, há que conhecer a verdade de um olhar, a intensidade de um beijo e a honestidade de um abraço que nos aquece a alma, que nos tira várias noites de sono. Cultiva o que queres semear, mais do que uma vida bem-sucedida, planta uma vida com sentimentos porque, esses, não se perdem e tu, ao procurares apenas lucro ou prestígio acabas por passar ao lado daquilo que, realmente, interessa. Diz o que sentes, o que queres, o que desejas, o que sonhas, sê insane em poucos segundos mas, nesses mesmos segundos, dá de ti e receberás uma vida nova, mudaras todo o rumo da tua história. Não partas deixando por viver o que queres, não adies a tua vida, não vivas uma felicidade incompleta. Não vivas de momentos alheios, de sorrisos estranhos, vive os teus próprios momentos, as tuas próprias vontades. Corre pela praia, dá um mergulho no mar, fica com amigos até ao sol nascer, veste roupa confortável e corre pela tua vida, agora não desistas de amar, de lutar, porque, há vezes, que temos de saber dar o primeiro passo para os restantes serem dados em conjunto...




Comentários

  1. hmm de algum modo o que disseste no comentário realciona-se c o teu texto de hoje, Levou-me às lágrimas :S
    Felicidade incompleta.. Por vezes vivemos durante tanto e tanto tempo mergulhados nela, n é assim?
    Escrevo o último post exactamente a pensar nisso.
    Temos fases más, de tristeza , de dificuldades..
    E aí culpamos os problemas.
    E depois.. Bem, "depois da tempestade vem a bonança", a vida sorri-nos de novo e, ainda assim, parece que nos falta algo. Que por muito q tenhamos.. verdadeiramente não temos (quase) nada.
    Que os sorrisos que partilhamos.. Queríamos partilha-los com ou ao lado de outro alguém.. A nossa pessoa. Ao lado de quem sentimos que seríamos capazes de passar horas e horas sem nada fazer.. Só abraçados.. :) E isso não seria tanto... Seria TUDO :')

    ResponderEliminar
  2. Reparei agora no título e nas etiquetas.
    Curioso. "arrisca-te ", e não simplesmente arrisca.
    Faz-me interpretar isso como um "entrega-te", poe o teu coraçao em jogo, à mercê de outro coraçao.
    (não resisti a partilhar esta ideia ctgo)
    *

    ResponderEliminar
  3. Também eu :)
    Só que eu ja n espero :)
    bjo*

    ResponderEliminar
  4. Eu não espero encontrar isso, porque, sem querer, já encontrei. Sei exactamente quem é a pessoa que me consegue proporcionar isso. E sei, também, cada vez c maior certeza, de que não encontro isso com mais ninguém. Não se trata de indecisão, de medo, do que quer que seja. Trata-se de ser um "jogo" a dois, só e apenas isso :)
    Eu não posso nem vou de novo jogar pelos 2.

    ResponderEliminar
  5. É isso mesmo. É o que vou fazer. "I will wait i will wait for [him]" xp
    Só não queria que a distância viesse a matar isto, percebes? é tão único.. só isso :)
    bjinho*

    E obrigada pelas tuas palavras é sempre um prazer ler-te. Mesmo! nunca me canso de te dizer isto :))

    ResponderEliminar
  6. Sim pode vir a acontecer isso, dentro de algum tempo.. É o mais certo. E o pior é que está para breve :/

    ResponderEliminar
  7. Não sei se será assim.. os 2 sentem...?!
    Sim, já, mas não desta forma. Pode ser algo "definitivo" desta vez . Uma grande mudança de rumo na minha vida. É inevitável, olhando para o estado das coisas, haver qdepois venha a haver uma grande distância. Seja ela de km, seja daqui ao outro lado do oceano .

    ResponderEliminar
  8. Mais um excelente post! Como é bom chegar até aqui e encontrar palavras de conforto, de coragem, verdadeiramente inspiradoras! Sinto-me bem, muito bem, sempre que aqui venho. Creio que na maioria das vezes, é bom darmos o primeiro passo. Mesmo quando sabemos que deveria ser a outra pessoa a dá-lo... :3

    Forte abraço e votos de um excelente domingo! ^^

    ResponderEliminar
  9. Muito obrigada. Ainda é uma suspeita, só amanhã terei a certeza.
    Espero que sim. :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário