Meias Palavras...


Gastas,
Gastas são as palavras quando se fala de amor,
O tempo avança e envolve-nos na saudade do que foi vivido.

Amor,
Amor revestido de mim mesmo, construído nestas muralhas de histórias,
O tempo avança e, com ele, deixo-me ir na correnteza da vontade.

Dor,
Dor que se dissipa no meu próprio olhar, aqui não existe ausência mas ela também cá não reside,
O tempo avança reinventando caminhos e traçando destinos.

Sonho,
Sonho que me alimenta os passos, que fomenta o desejo, que me constrói como homem,
O tempo avança e com ele ergue-se o meu sonhar.

Vontade,
Vontade que me compõe, que o meu sorriso faz rasgar,
O tempo passa e a certeza cada vez é maior.

Mãos,
Mãos entrelaçadas em gestos cúmplices de um amor vivido,
O tempo passa e os pequenos momentos formam grandes capítulos.

Risco,
Risco que faz avançar, saltar o abismo, agarrar o que se quer,
O tempo passa e, com ele, aprendemos a ver o que nos faz bem.

Felicidade,
Felicidade que se constrói nas bases firmes de uma certeza,
O tempo passa e o que fica são as coisas que nos movem o coração.

Verdade,
Verdade que se desenha ao nosso olhar, verdade nossa e nunca de um outro alguém,
O tempo passa, a maturidade aumenta e o presente é vivido a dois.

Distância,
A distância quebra-se com o sentimento, com o abraço apertado, com o beijo dado,
O tempo passa e cruza sempre os destinos que devem ser cruzados.

Destino,
Destino feito de escolhas, de lutas, de vitórias e derrotas,
O tempo passa e aqui estou eu, falando de tempo, criando o momento...



Comentários

  1. Já tinha saudades de ler estes teus textos maravilhosos *
    diz-me onde é que vais buscar tanto jeito para escrever :)
    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Meias palavras, total sentimento :)

    Beijinho, eu também vou agora escrever um texto.

    ResponderEliminar
  3. concordo contigo. O que vale é que em ti nunca se acabam os sentimentos e vives disso. =)

    Obrigada e boa noite. Beijinho.

    ResponderEliminar
  4. Meias palavras...porque "Amo-te" não diz tudo.

    ResponderEliminar
  5. Gosto sempre tanto de passar aqui. Sigo-te há imenso tempo e é sempre uma novidade ler-te. :) Bom fim de Semana.

    ResponderEliminar
  6. Admiro a tua maturidade sabes? Pareces sempre tão maduro, sereno e tão sentimental.. Mas é aquele sentimental que não é lamexas ou piroso. É aquele sentimental bonito, cúmplice, acolhedor. É bom visitar-te e é igualmente bom receber as tuas visitas, obrigado :)

    ResponderEliminar
  7. É bom ouvir alguém falar (ou escrever) assim hoje em dia.
    Obrigado, vou tentar fazer o meu com o teu. Um abraço :)

    ResponderEliminar
  8. E como estamos em meias palavras:

    http://virgulasdodestino.blogspot.pt/2013/03/very-inspiring-blogger-award.html

    Abraço grande :3

    ResponderEliminar
  9. é mesmo linda a forma como escreves (: adorei

    ResponderEliminar

Enviar um comentário