O embalo do coração...

Queria apenas te pegar na mão, queria apenas te embalar o coração nas melodias que cantava e nas palavras que depositava na nossa vida, na nossa forma diferente de sonhar. Apenas viveríamos de amor, vestíamo-nos do que melhor tínhamos e adormecíamos depois de um dia intenso em que cada um de nós foi feliz no mundo do outro, no nosso próprio mundo. Seria assim um conto daqueles que gostaríamos de viver, mais uma história real de duas pessoas que um dia decidiram abrir as portas do coração e deixar que este entrasse de forma arrebatadora e tão vivida. Viveríamos mais um sonho vivido, mais um conto encantado onde tu serias a minha princesa e eu apenas o teu príncipe…
Nem sempre podemos explicar algo, nem sempre podemos o tocar, o amor, esse, apenas se sente nada mais…

Comentários

  1. Eu que acho tão difícil entender as pessoas. É que conseguem surpreenderem-me todos os dias. Obrigada :)

    ResponderEliminar
  2. Quanto ao teu texto, vai haver um dia que o amor vai ter forma, ou pelo menos vamos vê-lo na forma de uma pessoa! Gostei muito :)

    ResponderEliminar
  3. Muito, muito, mas mesmo muito obrigada! fico muito contente que tenhas gostado do meu texto! # Gostei muito do teu blog e do teu texto, está mesmo bonito, beijinho (:

    ResponderEliminar

Enviar um comentário