"Partiste.... e levaste tudo o que era meu."

Procuro a tua presença nos lençóis que ainda guardam o teu cheiro,
Entregue à noite em que me deito na solidão deste quarto...
Na esperança que um dia voltes para os meus braços.
Dói-me sentir a distância que nos afastou, 
Esta ausência que me faz tremer de medo, que me faz chorar compulsivamente.
Enquanto olho para lá do que um dia fomos os dois,
Sei que jamais voltaremos a pertencer a uma mesma história.
O destino arrastou-te para longe de mim...
Para além do meu peito que agora se desfaz em pranto.
E eu olho para o que um dia fomos...
Mas não consigo encontrar mais nada a não ser esta escuridão,
Este turbilhão de sentimentos que me atira para o fundo, 
Que me leva até ao meu próprio fim.
Os motivos para te sentir... encontro-os na verdade de tudo aquilo que um dia fomos,
Na brisa que nos tocava os lábios, 
Que nos erguia a um ponto que até parecia que seriamos imortais.
Mas tu partiste.... e contigo levaste tudo o que era meu,
Deixando-me nesta cama a contar... 
Os instantes em que poderei ter-te de novo... nos meus braços. 

Resultado de imagem para homem deitado tumblr

Comentários

Mensagens populares deste blogue

"Dói-me tanto saber que nunca mais irás voltar..."

"Nunca desistas de ti!"

"Valoriza tudo aquilo que tens..."