"Mata-me a saudade!"

Não consigo mais… 
O meu coração morre e o meu corpo parece esquecer-se de tudo aquilo o que um dia fui. Dói-me esta minha alma, este silêncio que se apodera da minha carne e faz-me verter o sangue de uma solidão que sinto - de forma tão intensa. 
Minto!
Minto ao dizer que está tudo bem, que estou melhor do que nunca – porque nem eu me reconheço ao espelho, quando vejo que já nem sequer consigo sonhar.
Não quero mais…
Não quero ficar nestas quatro paredes encerrado, esquecido, perdido! Quero libertar-me de mim, mas eu sou e sempre serei o meu pior obstáculo. 
Tenho medo de adormecer, de cair na noite e acordar passadas poucas horas, olhar para o relógio e ver que nem o tempo passa mais pela minha vida.
Sinto-me incompleto. Talvez por ser um sofredor, ou então por não saber o que é mais o amor. 
Um buraco preenche-me o peito e um silêncio subido cala-me a voz.
Não sei mais estar aqui…
As palavras escrevem-se por elas próprias, e esta mais parece uma carta que escrevo ao vento. Um reflexo de tudo aquilo que sempre quis ser – e que hoje vejo espalhado por uma terra que não dá fruto.
Dói-me sentir que não pertenço mais a mim mesmo, a este espectro em que me tornei por não correr atrás de tudo aquilo que sentia, atrás de tudo aquilo que sonhava.
Quero viver!
Morrer nesta melancolia e renascer na fantasia de um homem vencedor. 
Mas… pareço não ter forças…
E os dias passam, e as horas ficam, só para me fazerem lembrar que não se vive sem amor, e que não se ama sem coração.
Por isso… esqueço-me e liberto-me da razão. Lanço-me ao destino na esperança que ele me agarre,
E volte a fazer-me sentir… EU!

Resultado de imagem para homem triste tumblr

Comentários