"Fazes-me acreditar... no amor"

Fazes-me sentir a verdade deste nosso amor,
O sentimento de me sentir vivo, a verdade de tudo o que somos.
Fazes-me querer mais, agarrar o desconhecido,
Saltar o abismo e cair no teu abraço, ser teu: por inteiro.
Fazes-me correr na direcção do teu olhar,
Nos beijos em que nos perdemos, nas promessas que fazemos,
De acordarmos juntos... no dia seguinte,
De repartirmos muito mais do que uma cama, do que uma vida,
Do que um sonho feliz (que é tão nosso).
Fazes-me acreditar em tudo o que um dia duvidei,
Passar nas ruas onde não passei e lutar como jamais lutei.
Fazes-me ser um homem melhor, um ser imperfeito,
Que te ama na perfeição do teu rosto,
Na perfeição desse coração que te bate no peito,
Que faz com que tudo ganhe o seu jeito, com que a paixão seja vivida.
Fazes-me desconhecer a despedida, a partida que não temos em nós,
A saudade que se esgota quando estamos sós.
E em que nos procuramos, na noite, nas horas tardias,
Em que chegamos a casa, em que não pensamos em mais nada.
Em que somos amor. E apenas isso. 
Amor...




Comentários