"Para todo o sempre."

Guarda cada instante de mim… cada momento em que nos amamos,
Em que entregamos tudo o que tínhamos em nós, tudo o que era tão nosso.
Antes de ir… não posso perder a memória do que guardamos,
Das horas em que nos despíamos, em que nos riamos, em que nos… dávamos.
São tantas as histórias, as memórias que nos juntam, os destinos que nos enlaçam,
Aquelas saudades que não passam. Que ficam - no que ainda queremos viver,
Na nossa sede de sonhar, de sonhar com tudo o que nos faz felizes.
Guarda em ti tudo o que te disse… as palavras que nem sempre foram fáceis de dizer,
As lágrimas que escorriam, sempre que a despedida aparecia, sempre que partíamos sem querer.
Recorda tudo o que lutamos, as batalhas que travamos,
Sempre lado-a-lado. Enfrentando todos os nossos medos, confessando-nos em segredos,
Em beijos que demos no silêncio de uma paixão que gritava de vontade.
Guarda cada verdade… cada vez que te olhei nos olhos e disse que te amava,
Que tudo te dava, que tudo por ti fazia – até ao dia… em que morreria a teu lado.
E não te esqueças de apertar e de agarrar a fotografia que eu te dei...
Quando éramos jovens e o amor nos movia e nos fazia sonhar.
Mas sabes, meu amor, tudo o que me ensinaste nessa altura, eu acreditei, e não desisti de nada.
Continuo aqui, movido pelo amor, capaz ainda de te amar loucamente, mesmo estando velho e gasto.
Sou capaz de te dar prazer e de fazer dos nossos corpos um só.

Unidos. Sempre. Para todo o sempre.


Comentários

Enviar um comentário