"Procuro-te..."

Há muito que espero por ti… talvez uma vida inteira,
Um tempo em que o tempo pede o nosso abraço,
Em que o meu coração pede o teu – em batimentos: só nossos.
Há muito tempo que procuro por ti, nas noites em que me deito,
Na nudez do meu corpo, na vontade do meu amar.
Procuro-te…
Em tantas palavras que escrevo nas pareces despidas desta cidade,
Nos olhares vazios que vejo… ao não ver o teu,
No pulsar desta paixão que me corre nas veias.
Há muito tempo que te sonho em mim… que sonho o teu beijo,
Que espero que te entregues a tudo aquilo que sou,
Que me ajudes a romper com as distâncias, a sanar as inseguranças e…
Me faças acreditar num futuro: a teu lado.
Há muito que espero por ti… que espero que fiques,
Esperando que as partidas deixem de acontecer,
Que a chegada seja a maior verdade que algum dia conheci,
Depois do momento em que no teu olhar me perdi…
Para ser teu sem qualquer medo.



Comentários

  1. Lindíssimo André!
    Ameiiiii!
    Linda inspiração querido

    ResponderEliminar
  2. Divinamente escrito!

    Abraço
    Luísa

    ResponderEliminar
  3. Muito bom!
    É bom saber que ainda existem homens que exprimem o que sentem e não se escondem atrás da imagem de macho.
    Parabéns!

    ResponderEliminar
  4. Acabei de conhecer a sua Página, que me remeteu para o seu blog. Tanto na Página, como no blog adorei a sua forma de escrever.
    É bom ver um homem sem qualquer pudor em expor os seus sentimentos de uma forma tão intensa e marcante... Parabéns!

    Rosinha Veiga

    ResponderEliminar

Enviar um comentário