"Não vás!"

Não vás já! Fica nos meus braços mais um tempo. Fica mais… uma vida inteira.
Abraça-te no meu abraço, fica no meu corpo, fica no meu destino.
Há muito que se sinto como parte de mim, como parte de tudo o que sonho, das promessas de ser melhor, da vontade de lutar por mim, por ti. De lutar por nós.
Não vás!
Larga o mundo que vai para além de nós. Ficaremos só os dois, envoltos num oceano de sentimento, nos risos descontrolados e nos segredos confessados – como forma de sermos livres na nossa forma de amar.
Beija-me mas beija-me devagar, enquanto eu percorro a tua pele, enquanto cuido do teu ser, enquanto faço de nós um só, nos braços que se envolvem um no outro e nos dedos que se entrelaçam em juras de paixão.
Não vás… esta cama sem ti não encontra vontade, e eu, eu sou um ser incompleto ao não te ter em mim, em todos os sonhos que partilho contigo, em todos os recantos deste meu batimento cardíaco que só bate por ti.
A verdade é que entraste na minha vida e alteraste todo o meu destino, fizeste com que tudo ganhasse sentido, com que nada seja proibido – desde que se ame: por completo. Amo-te, e sei que este amor é mais forte do que qualquer outra coisa, mais forte do que a própria morte do meu corpo, do que o findar da minha carne, do que o padecer… das minhas próprias memórias.

Foi e é contigo que passei a acreditar em histórias, em histórias de um amor que se conjuga na eternidade, que ficam na verdade de quem ama, nas promessas de um beijo… que fazem de dois corpos um desejo, de dois corações um só destino.



Comentários

  1. Que lindoooo André!
    Seus textos são maravilhosos, amo todos!
    Muitas vezes me vejo dentro dos seus textos.
    Parabéns e Deus te abençoe

    ResponderEliminar
  2. Nem mais.É sempre bom passar por aqui. Forte abraço

    ResponderEliminar
  3. Por mais tempo que passe os teus textos conseguem sempre surpreender-me e de algum modo eu acabo por me encaixar neles, nomeadamente, um deles é sem dúvida este.
    Esta música é linda e diz muito.
    Parabéns!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário