"Explode-me!"

Explode-me!
Explode este meu coração que é teu,
Faz do meu corpo o que quiseres,
Das minhas mãos as tuas,
Rasga-me os medos,
Joga-me ao desassossego...
De amar-te - como se fosse morrer hoje.
Explode-me!
Grita ao meu peito que me amas,
Sem enganos nem mentiras,
Faz de nós verdade...
Eu sou teu - por completo.
Explode-se!
Rebenta o meu âmago em beijos,
Envolve-te nos meus braços e apodera-te de mim,
Leva-me até ao fim...
Da loucura de amar-te como teu amo.



Comentários

  1. Já não vinha cá há algum tempo, mas continuas com uma escrita maravilhosa!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário