Por entre linhas...

Não éramos mais que dois corpos ali presentes, dois amantes da liberdade, loucos, loucos de Lisboa que se abeiravam junto ao rio Tejo. A tua pele possuía uma tez rosada, talvez pela manhã fria que se sentia, talvez pela geada que se depositava, na estrada, formando um tapete branco que se perdia de vista. Hoje tivera-me perdido no teu olhar, nas palavras sussurradas ao teu ouvido, nas letras que percorriam, as paredes de casas antigas, que viam assim, a sua alma viva por entre os sentimentos que transmitiam a quem por ali passava Tivera eu corrido uma série de quilómetros, tivera eu fugido das ondas agitadas do meu mar para mergulhar nas águas calmas da tua presença, pelo calor contagiante do teu corpo, junto ao meu, das tuas mãos, entrelaçadas nas minhas. Sentia-te, corríamos e, por momentos, esquecíamos todos os problemas e o desassossego de uma vida em constante movimento. Perdi-me em ti, confesso que hoje me perdi e tão bem, tão bem soube perder-me na tua presenta, na minha vontade, na nossa realidade. Fomos um pouco de tudo, fomos crianças inocentes naquilo que se chama de amor, fomos dois seres sedentos de desejo, sedentos de tenção. Hoje naufraguei pelos lados de Lisboa, numa cama, no teu corpo, com as gotas de água a escorrer pelos vidros, com o sabor salgado da tua pele. Mesmo tu estando naquele lugar, mesmo eu sabendo que és rio, senti o sabor que te traz até mim, o sabor das ruas apertadas, dos pescadores aventureiros, o sabor de uma vila plantada perto do mar, do nosso mar...


Espero-te por cá amanhã?


Tenham um óptimo fim de semana :)

Comentários

  1. Que maravilho! É amor sem dúvida, é tanto amor que se deseja ter algo igual só de ler, que bem que escreves!
    Beijnhos, nês!
    Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  2. Ao ler estas tuas palavras senti-me a fechar os olhos e a ver-vos. Num cenário mágico, de uma Lisboa fria mas com tanto amor, tal como os dois.
    Um ótimo fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  3. Que amor delicioso de se ler! Que te percas e que te encontres sempre nesse amor!
    Beijinhos e um bom fim de semana*

    ResponderEliminar
  4. estou sem palavras! ler os teus textos perfeitos deixa-me assim, a sonhar com os cenários que tão bem desenhas, sem qualquer palavra. Bom fim de semana :)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário