Todos precisámos de acreditar...

Forma em ti a vida que sempre quiseste, sê livre, planta a liberdade dentro do teu ser e o sentimento dentro do teu coração. Pára, recomeça se a tua vontade for essa, o tempo espera por quem luta, a luta forma vida em quem a escreve, e a vida torna-se mais feliz sempre que contemplamos nela a nossa vontade, os nossos sonhos. Faz das partidas oportunidades, dos erros aprendizagens, dos sentimentos razões para avançares e do amor forma os sorrisos que preenchem o teu seguir, o teu acreditar. Respeita a tua vontade, perdoa e pede perdão, ouve-te a ti e nunca a voz de um outro alguém. A maior verdade que podes conhecer é a tua, o maior sonho que podes viver é aquele que sonhaste, o melhor caminho que podes seguir é o que te faz feliz e a mais bela história que podes viver é aquela em que entras tu, quem tu amas, quem te faz sorrir. Não procures demais, não esperes demais, o que é teu entrará na tua história e o tempo mostra sempre o mais verdadeiro. Não percas a força mesmo que caias, não desistas somente porque um dia perdeste o que pensavas ser o teu mundo, o que pensavas determinar a tua história. Estás aqui, não estas? Estás a viver, não estás? Então tiveste a força para seguir, a força para acreditar e isso torna-te uma pessoa, a pessoa determinante e principal da tua história. Vive o amor, agarra se queres agarrar, vive se querer viver, erra e aprende, mas vive, vive a tua vontade e não a vontade dos outros, porque assim, jamais serás feliz...




Comentários

  1. "Vive o amor, agarra se queres agarrar, vive se querer viver, erra e aprende, mas vive, vive a tua vontade e não a vontade dos outros, porque assim, jamais serás feliz..." Nunca uma frase me soou tão bem ou tão familiar. Adorei completamente!
    Um beijo*

    ResponderEliminar
  2. Fico feliz em ouvir isso :) Obrigada e igualmente*

    ResponderEliminar
  3. que saudades que eu tinha suas! não me interprete mal, mas nunca mais por lá passou e eu perdi o seu blogue por entre os comentários.
    que bonito que isto ainda continua :)

    ResponderEliminar
  4. Olá amigo!
    Finalmente cá voltei eu, a escrever um comentário (pois ultimamente até tenho cá vindo, mas acabo por não comentar nada pois acabo por sempre cheio de sono... o teu blog acaba por ser sempre um livro que leio antes de me deitar :D).
    Se calhar seria escusado dizer que concordo plenamente contigo e com tudo aquilo que aqui escreves-te... Todos devemos agarrar a nossa vida e fazer dela aquilo que sonhamos, independentemente da ideia e das opiniões que os outros (tanto gostam de dar!).
    Eu cá acho que mesmo que o nosso sonho não se venha a realizar na sua plenitude e não nos tornemos naquilo que idealizamos, que devemos (pelo menos) procurar aquilo que sonhamos!
    Mas isso desde de que, o sonho seja realizável (ou seja, há que adequar o nível do sonho à realidade/possibilidades/capacidades de cada um...).
    Mas independentemente do sonho e da capacidade, o importante é sermos nós próprios e vivermos a vida de felicidade perseguindo-a (a felicidade, sonhando que ela virá sempre, à medida que damos cada passo da nossa vida!)

    Aproveito, também, para te agradecer e para te dizer que fiquei extremamente lisonjeado, pelo facto de te teresse revisto num dos meus post!
    (como comentei posteriormente) Para mim é um orgulho ver que existe uma ou mais pessoas que se revêem naquilo que escrevo ou no que sou (ou então que vêem aquilo que faço ou vivo como um exemplo). Para mim, faz-me sentir muito bem!

    Um grande abraço e obrigado por tudo!

    ResponderEliminar
  5. Gostei Padrinho. Ser livre, sonhar, viver por nós e não por outros! abraço

    ResponderEliminar
  6. Olá Olá, hoje adorei vir aqui, pessoalmente foi um post que me ajudou e me fez sorrir, pois acho que todos temos mesmo de acreditar, e que isso nos faz seguir. Recentemente tive um grande problema no meu blog, e a minha vontade de continuar e acreditar que valia a pena foi o que levou a uma restauração a 100%

    Sabes, acredito que a mente controla o nosso viver e atitudes, e muitas vezes ficamos deprimidos por não acreditar em nós próprios, e isso impede-nos de seguir em frente. Mas realmente as escolhas determinam o nosso viver a acreditar, creio que uma vez escreves-te algo assim, nao? E mais importante, acredito que a única coisa que separa o possível do impossível é o acreditar, ate porque o impossível até acontecer.

    Bem, acho que já me estendi um pouco, xD

    Forte Abraço, continua a escrever porque acredito no que escreves e que tens tudo para seguir em frente com os teus objectivos ;)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário