O passado não volta, o passado ensina, mas não quer ser vivido novamente...


Da palavra faz vida em ti, dos sorrisos forma a felicidade do teu caminhar, do amor retira a essência do teu viver. Luta sempre que a força parece faltar, luta fiel a ti, fiel ao que acreditas e fomentas dentro do teu peito. Não te enganes, não enganes ninguém, vê e sente, não acredites no que te contam. Olha, sentindo, vê, observando. Hoje tantos se esquecem de parar, de olhar, de sentir sem que outras vozes estejam presentes, sem que olhos olhares estejam comtemplados. Vivam por vocês e não por ninguém, sonhem por vocês e não abdiquem desse mesmo sonhar só porque alguém vos pediu. Ninguém tem o direito de vos prender, vocês não têm o direito de prender ninguém, somos livres e é essa liberdade que nos define, que nos caracteriza, que nos faz ver o que é verdadeiramente nosso. Não amem com reticências, não partam querendo ficar, não fiquem querendo partir. A vida é uma e cada oportunidade que se perde é como se perdermos um pouco de nós, como se abríssemos mão de um capítulo da nossa história. Sejam fortes, sejam vocês porque nunca ninguém saberá melhor de nós do que nós próprios. Não se deixem derrubar por espectros que pensam ter opinião, não se deixem cair por pessoas que julgam sem ver, que falam sem nada saber. Amem, amem-se a vocês próprios, todos os dias, a todas as horas que se levantam da cama e têm mais uma série de horas para viver, mais uns minutos que devem ser aproveitados sempre, que devem ser vividos como se não existisse um amanhã. Vivam, no fim de contas, vivam, amem, sonhem, lutem, partam e fiquem, mas sejam felizes, sejam sempre felizes...





Comentários

  1. Ora aqui está uma perspectiva bastante interessante sobre o passado, gostei! como sempre carregado de sentimento e sabedoria.

    É verdade sim senhor, o Passado ensina muito na verdade é o melhor Professor que pode haver, juntamente com o tempo.

    A grande lição do texto para mim está aqui: "Vivam por vocês e não por ninguém", se olhar-mos para trás muitas vezes vemos que vivemos em função de outros e para agradar os mesmos.

    Forte Abraço =)

    ResponderEliminar
  2. E depois de todas estas palavras, deste ensinamento, da grande lição de vida, que mais resta dizer?
    Só quero sublinhar isto: Hoje tantos se esquecem de parar, de olhar, de sentir sem que outras vozes estejam presentes, sem que olhos olhares estejam comtemplados. Vivam por vocês e não por ninguém.
    Que mania de acharmos que a opinião dos outros é superior à nossa.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário