Acredita...

Tantas vezes damos por nós a sonhar, quantas vezes damos por nós a viver esse sonho de olhos abertos, de olhos fechados, de sorriso no rosto ou de lágrimas nos olhos. O caminho será sempre em frente, por maiores que sejam as quedas, o caminho será sempre em frente. Acreditar em nós é acreditarmos naquilo que de melhor temos, amando o que somos, amando quem nos faz bem, quem não parte, permanecendo na nossa vida, vivos na nossa história. Falo de força, falo de força porque é isso que temos de ter. Quantas vezes perdemos? Quantas vezes parece o fim? Mas depois vem um novo dia, que nos mostra um novo principio, um novo começo, que nos faz encontrar significado para seguirmos em frente. Enxugamos lágrimas, saramos feridas e voltamos à luta, lutando pela nossa felicidade, pelo nosso amor, por aquele conto feliz que ouvíamos em criança idealizando o momento em que o viveríamos. Deveremos acreditar, tudo acontece por uma razão, tudo acontece no seu tempo, sem pressas, sem desculpas, sem barreiras. Fugir significa perder, perder significa aniquilar-nos e aniquilar-nos rouba-nos história ao nosso viver, rouba horas ao nosso caminhar. Temos de saber esperar, temos de saber construir, temos de saber acreditar, o amor também é assim, vivo hoje, vivo uma vida inteira...


O que é teu, será sempre livre, mas sempre voltara ao seu lugar...


Leva a vida com a leveza de uma bebida, bebe o até à ultima gota.


Sempre que se fecha uma porta, abre-se sempre uma janela...


O Dom que o tempo tem é de nos mostrar o que é verdadeiramente importante...

Comentários

  1. Está maravilhoso este texto...como sempre ! Adoro tudo o que escreves.
    Beijo *

    ResponderEliminar
  2. Há momentos que perdemos toda a confiança em nós e que deixamos de acreditar no amor e na felicidade. Acreditamos que não temos mais força e que o sorriso verdadeiro e apaixonado não vai voltar mais. Isso acontece sempre que nos sentimos enganados pelo amor, frustrados por uma derrota que não contávamos e que não sabemos como levantar a cabeça. Depois vamos olhando à nossa volta e lentamente os nossos dias vão sendo cada vez melhores, mas é preciso muita força de vontade e coragem acima de tudo. Eu estou ainda a tentar levantar-me, não é fácil nem rápido, mas acredito que consigo e quando me levantar vou ser ainda mais forte, porque as grandes quedas fortalecem-nos e muito.
    Vir aqui é sempre uma ajuda, as tuas palavras deixam um sorriso na cara e uma dão uma força extra. Eu é que agradeço todas as tuas palavras aqui, nos teus textos sempre fantásticos e nos comentários que me deixas. Obrigada ;)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Oh, adoro ler os seus comentários! Obrigada por escrever que nem um mimo *

    ResponderEliminar
  4. Obrigada, que simpático *-*
    Mas o que disseste é verdade sim (:
    Gostei muito desta frase "O que é teu, será sempre livre, mas sempre voltara ao seu lugar..." TRUE!
    Beijinhos (: *

    ResponderEliminar
  5. Desculpe! Tento te o máximo de respeito, sabe? (Desculpa! Tento ter o máximo de respeito, sabes?
    Eheh beijinho

    ResponderEliminar
  6. Este texto, está perfeito, assim como muitos outros. Adorei :)

    ResponderEliminar
  7. Bem, isso é que é simpatia. A vida trata de nos ensinar a amar e a saber o que realmente queremos! Obrigada, eu já sigo à algum tempo :)

    ResponderEliminar
  8. São sinceras as palavras. E muito obrigada, é bom saber isso :)

    ResponderEliminar
  9. Não me canso de sonhar!!! Escreves tãaaaoooo bem! Adoro!! Abreijo*

    ResponderEliminar
  10. Se não acreditar-mos em nós que irá acreditar, não é?
    Nunca devemos ter medo de cair, porque é que cada ascenção que revemos ou conhecemos o quão forte nós somos e "vergonha não é cair, é ter medo de levantar."

    É um texto encantador que de certeza dará força aqueles que neste momento se acham no fundo o poço sem forças para começar as subir. :)

    ResponderEliminar
  11. Tenho um Selo no meu blog para ti * Beijinho :)*

    ResponderEliminar
  12. Olá! :)
    Apesar da minha prelongada ausência, voltei... (não sei até quando me aguentarei, mas por enquanto estou por cá!)

    (Em relação ao teu post, vai parecer um bocado "graxista", mas é sincero...)
    Faz tudo tanto sentido; é tudo tão verdadeiro; é tudo tão real!
    Parece-me que cada frase que escreves-te é tão perfeita e que se "encaixa" de forma tão perfeita no meu intendimento (não posso dizer na minha vida, pois poderá não se encaixar tão bem assim, no ponto de vista de algum...).
    Não me quero estar a repetir, mas cada vez que aqui venho parece sempre uma lição! Uma lição de vida, que já aprendida ou não; é uma sintese muito bem conseguida de conhecimentos e sentimentos vividos.
    Que mais poderei dizer!?! Concordo com tudo o que aqui escreves-te.

    PS: Por os teus textos me parecerem sempre uma lição, uma história para interiorizar, tenho sempre dificuldade em escrever algo que te possa apoio (se é que precisas) e ajudar da mesma forma que tu fazes comigo... Sinto-me um bocado em dívida. Por isso acabo por escrever o que sinto em relação aos textos e que acabam por ser sempre palavras apenas de valorização sobre o texto, não opiniando sobre o seu contúdo, pois acabo por concordar sempre com as palvras do "Sr. Professor" :)

    Obrigado por ter continuado a visitar-me e nunca te esqueceres de mim! "Mil e um" Obrigados, por tudo!

    Um grande abraço!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário