Simples de entender...

Mãos, abraço e um beijo que fica, que permanece ancorado a este viver ilusório, carnal, sentimental e ao mesmo tempo tão banal. Perdeste-te no meio da igualdade de cada um, no meio do respirar silencioso de quem chama em gritos mudos, em palavras caladas. Amor perdido, amor encontrado, amor esquecido, amargurado ou então, apenas amor, amor de verdade. Tudo isto num partir, num chegar de quem te ama, de quem te esquece nos momentos em que te perdes de ti, em que te enganas aprisionando o teu coração, corrompendo a tua própria vontade. Desejo esquecido, sonho vivo, vivo em mim que vejo em ti muito mais que espectro, muito mais do que a sombra colorida, do que luz ofuscante que muitos julgam, que ninguém conhece verdadeiramente. És tu, apenas tu misteriosa, igual mas tão diferente, chama ardente, gelo que esconde, olhar que não consegue enganar, olhar que fala nos silêncios de um contar, de um sonhar e de um respirar descompassado, de um coração aprisionado. Amores, desamores, quereres ou apenas mais um esquecer, tudo isto na tua mão, tudo isto no meu coração, tão distantes, mas ao mesmo tempo tão unidos. Laços que perduram, feridas que se curam, olhares verdadeiros, amores que não sejam passageiros. Tudo isto se procura, tudo isto se encontra, reinventa-se a palavra amor, ama-se quem se julga mais certo, prende-nos quem faz de nós pessoas felizes. Somos complicados, mas ao mesmo tempo tão fáceis de entender...





Comentários

  1. nem tenho como agradecer o carinho que deixas sempre no meu cantinho! eu vou ser forte e lutar, sempre.
    que texto fantástico, sem dúvida! e esta música mexe muito comigo, é tão linda. beijinho*

    ResponderEliminar
  2. já não há amor.
    obrigada:) também gostei imenso deste post. beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Obrigado ((:

    "Laços que perduram, feridas que se curam, olhares verdadeiros, amores que não sejam passageiros. Tudo isto se procura, tudo isto se encontra, reinventa-se a palavra amor, ama-se quem se julga mais certo, prende-nos quem faz de nós pessoas felizes. Somos complicados, mas ao mesmo tempo tão fáceis de entender..."

    - Amei esse trecho :D

    ResponderEliminar
  4. Escusado será dizer que gostei do texto não é verdade? Aliás, acho que gosto tanto dos textos quanto dos comentários que deixas lá no meu cantinho. Adoro ler as palavras que me deixas, de força, incentivo e carinho. És uma pessoa especular, sabias? E são pessoas como tu que me têm feito levar a vida a sorrir e a erguer a cabeça aos problemas. É o vosso carinho que termina com a minha infelicidade! Obrigada por isso, principalmente por não me conheceres e mesmo assim te preocupares, não só comigo mas com imensa gente neste pequeno mundo. Só mostra o teu grande coração!

    Um beijinho *

    ResponderEliminar

Enviar um comentário