Sopro frio...

A neblina matinal invadiu o meu quarto e hoje acordei um pouco mais frio, das persianas não emergia a luz do sol e a pele pedia os lençóis quentes que permaneciam a cobrir o meu corpo. As recordações eram tantas e o sono parecia ter fugido de mim, dei pela minha alma a questionar tudo, a questionar mais um sonho sonhado que acabou por nem se realizar, que acabou desfeito por este meu feitio de esperar que as palavras sejam verdadeiras e os sentimentos reais. Resta-me assim aquilo que posso chamar de amor, esta minha história que não se torna ficcionada no meio de um mundo que vive de representações constantes e ao mesmo tempo que levam à dor de quem se entrega a uma mentira, a um pedaço de nada. Somos diferentes e isso reconforta-me a alma e aquece o coração, é na nossa diferença que reside um amor, aquele amor puro que nem sei descrever, não encontro as palavras para o caracterizar. Fala-se de amor, vive-se de pequenas paixões e depois perde-se, perde-se a verdade e acabamos por viver as mentiras, aquelas mesmas que tanto desdenhamos mas que acabam sempre por ser parte integrante na nossa história, nos nossos amores ditos trágicos e que pedimos que o coração os arranque mesmo sabendo que isso se torna impossível. Não se prendam porque se é amor verdadeiro jamais será prisão, não se escondam porque se o sentimento é real acaba sempre por vos encontrar, não desconfiem porque a confiança conquista-se e uma vez perdida jamais é reposta completamente, amem, amem sem medos, sem barreiras nem impedimentos, podemos nos magoar mas quem diz que não seremos bastante felizes? Amor, coisa complicada, sentimento deslaçarado, uns vivem e outros apenas lhe passam ao lado, esquecendo o que é um sonho, entregando-se apenas ao sobreviver em vez de viver, ao partir sem mesmo antes lutar. O querer tem força, o lutar traz sabedoria e os erros não devem ser evitados mas sim devem ser vistos e aceitas porque na verdade sem eles jamais seriamos o que somos, jamais reinventaríamos o amor à nossa forma, à medida do nosso sonhar...




Comentários

  1. mais um texto que respira amor. amo amo amo. nunca me desiludi a ler um texto te. PARABÉNS*

    ResponderEliminar
  2. que lindas palavras. acho que os sonhos também fazem parte de um amor. é ele que nos faz pensar em coisas já mais pensadas, fazer algo que nunca pensávamos fazer. gostei mesmo *

    ResponderEliminar
  3. Obrigada de coração. É óptimo saber isso. E olha, o teu blog está lindo, cheio de brilho mas acredita que em relação à escrita, oh, sempre brilhou, mesmo sem estas estrelinhas. Adorei!

    ResponderEliminar
  4. a verdade é que não podemos desistir à primeira dificuldade :)

    ResponderEliminar
  5. Continua assim, a escrita é maravilhosa e quem a sente sabe disso!

    ResponderEliminar
  6. Temos que ser frontais (:
    Obrigada (:

    ResponderEliminar
  7. Quatro anos dá para perceber que, afinal de contas a pessoa que eu achava que era o tal, afinal não é. Porque o tempo passa e a mentalidade também e a partir do momento em que nenhum rapaz (possível namorado) que não compreenda os meus objectivos então está fora de questão. Porque se não compreende enquanto são ainda sonhos imagina quando esses sonhos se tornam realidade. Gosto muito da minha liberdade e não vai haver nenhum homem que vá destruí-la, quer eu venha a casar daqui a uns 20 anos ou não. x)

    ResponderEliminar
  8. obrigado é bom saber que gostas-te.
    e não á lágrimas para enxugar :D

    ResponderEliminar
  9. Enches-me o coração com essas palavras! Muito obrigada, mesmo. Sabes, por vezes tenho a sensação de que estou a escrever para as paredes e ler esse tipo de elogios vindo de uma pessoa que escreve de uma forma tão perfeita e superior, motiva-me. OBRIGADA!
    E adorei este aqui, tal como todos os outros :*

    ResponderEliminar
  10. Nem pode ser prisão porque se assim for não se consegue viver feliz! *

    ResponderEliminar
  11. "O querer tem força, o lutar traz sabedoria e os erros não devem ser evitados mas sim devem ser vistos e aceitas porque na verdade sem eles jamais seriamos o que somos",fiquei sem palavras.
    Nem imaginas como esta frase ficou agora presente na minha mente.
    Está lindo este teu texto. Como eu gosto de ler cada palavrinha aqui escrita,só para sentir as emoções que nela estão presentes.
    Mesmo muito lindo.

    Beijinho*

    p.s-amei o ar natalício presente no teu blog. Mal o vi desenhou-se um sorriso na minha cara :)

    ResponderEliminar
  12. oh pedacinhos, obrigada por me aqueceres o coração com essas tuas lindas palavras. é que sabes, quando estamos mal, sabe tão bem ouvir coisas bonitas como essas que tu me disseste. é, sabes... eu já estou melhor, muito melhor e oh, já não precisas de esperar mais por isso porque o meu coração já está quentinho.
    e ah, tenho-te a dizer que reparei na tua mudança de design e ficou muito mais adequado à época :3

    ResponderEliminar
  13. não tens que agradecer :D boas férias para ti também q:

    ResponderEliminar
  14. ora e não é que veio mesmo? às vezes precisamos mesmo de repousar por uns dias, assim como as palavras dentro de nós...obrigada<3

    ResponderEliminar
  15. Muito obrigada pelas palavras tão carinhosamente escolhidas.
    Aqueceram-me o coração :´)
    E sim..apesar de ter sonhado demasiado alto,e me ter arrependido,não consigo (nem nunca conseguirei) para de sonhar.
    Aliás,o título do meu blog diz tudo :)

    Beijinho* grande,e muito obrigada pelo comentário e por todo o apoio! :)

    p.s-não te preocupes que agora já estou um pouco melhor, sobre esta situação toda :)

    ResponderEliminar
  16. que palavras mais belas andré, os teus comentários sao sempre bem vindos. outro texto magnifico *

    ResponderEliminar
  17. oh, agradeço-te!obrigada pelas palavras que me sempre ofereces

    ResponderEliminar
  18. ;)

    Vim te desejar um Feliz Natal!

    Beijo

    ResponderEliminar
  19. o amor é um sentimento difícil de ser definido! Sempre digo que amo de mais. Amo a simplicidade e a complexidade dos fatos. Amo as pessoas que fazem parte da minha vida e amo pessoas desconhecidas. Apenas me sinto bem com o dom de amar!
    ---
    lindo post! Deu vontade de continuar lendo e viajando nas palavras. Quero te desejar um feliz natal. Sucesso pra vc!

    ResponderEliminar
  20. obrigada eu também gosto do que escreves é magnifico, sinceramente não tenho palavras para descrever é fantástico mesmo

    sigo;)

    ResponderEliminar
  21. Bom dia.
    Caro amigo,
    que palavras profundas e perfeitas para descrever o amor.Escrever sobre o amor é a maneira mais inspiradora de estarmos mais perto de Deus.Que neste natal e ano vindouro o amor possa encher a sua vida de satisfação.Um grande abraço e agradeço pela sua gentileza de comentar minhas postagens.Muito obrigado mesmo.Hoje eu pretendo,se Deus permitir,postar meu selo no blogger.E um dos blogueiros que escolhi foi você.Então quando puder dê uma passada lá e faça o questionário.Obrigado!
    Tammy.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário