Desconheço-me...

Desconheço-me por entre as palavras de um amor que nem é o meu, desconheço-me sempre que falam de justiça e eu apenas vejo que isso te torna mais uma simples palavra que acaba por perder a acção, acaba guardada numa gaveta. Desconheço-me, desconheço, assim aquilo que dizem de amor e de vontade de amar, desconheço cada fim que chega quando a força é menor, de cada lágrima derramada sempre que deveria existir um sorriso, de cada virar de costas sempre que algo é verdadeiro. Vivo assim no meio de um desconhecido, de um ter e não ter, de um agarrar ou apenas largar. Uma inconstância, uma ausência de sentimentos que cada vez mais se torna natural, que cada vez mais é praticado esquecendo o amor, aquele verdadeiro amor que eu ingenuamente ainda vou acreditando mesmo para além das contradições, mesmo para além das palavras que acabam caladas sempre que necessito de respostas, sempre que vejo que o que valorizam não é o sentir mas sim o desejo de posse, de um querer efémero e repentino. Desconheço-me em cada olhar, desconheço-me em cada pedaço de pessoas que acabam por embater de frente comigo e com a minha enorme força de percorrer os maiores caminhos mas, desta forma, alcançar a verdadeira pessoa e não as simples réplicas desprovidas de tudo o que tanto sonho, tanto quero para mim. Desconheço o amor, desconheço esse amor que por aí se fala, aquele amor passageiro, despido, frio. Encontro-me assim nas pequenas coisas, nos pequenos sentimentos que surgem mesmo nas pequenas atitudes e sorrisos de um natural que nem temos capacidade de questionar, capacidade de duvidar. Encontro-me assim no presente porque desconhecia um passado que me acorrentava e que me prendia aos fantasmas que um dia te agarraram. Amor pode não ser simples de escrever mas certamente se for verdadeiro se torna simples de sentir...

Comentários

  1. Obrigada ((: é preciso ter mesmo muita força e deixar o passado bem lá atrás :x
    ADORO o texto!" Desconheço-me em cada olhar, desconheço-me em cada pedaço de pessoas que acabam por embater de frente comigo e com a minha enorme força de percorrer os maiores caminhos mas, desta forma, alcançar a verdadeira pessoa e não as simples réplicas desprovidas de tudo o que tanto sonho, tanto quero para mim." - lindo!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário