Porque sonhar toda a gente sonha...

Queria que fosse diferente, queria apenas que tudo fosse mais fácil, mais real e mais verdadeiro. Não procuro algo fácil muito pelo contrário, mas também não quero viver a um faz de conta. Quero abraços, mãos dadas em passeios infindáveis e até mesmo ver a lua numa praia acompanhados com um copo de vinho. Quero algo mais, mas sei que também não quero menos que os outros. Vivo assim a minha sina, sonhando com o dia de amanhã e sendo melhor do que ontem e saberei que irei crescer com esses sonhos e essas vontades que se tornarão enormes e que façam de choros sorrisos e de ânsias, vitórias. Sei o que quero e isso basta-me para fazer de mim um poço de sonhos e um guerreiro que acorda todos os dias e pensa que o presente é construído sobre algo verdadeiro e logo se torna bem mais forte, bem mais consistente, bem mais duradouro. Castelos construídos à beira da água por finas areias são bonitos mas não resistem á primeira onda mesmo que esta seja fraca, assim sou na vida, posso levar tempo, posso demorar dias, meses e até anos mas sei que construo sonhos reais e não contos de fadas com finais prematuros. Todos somos iguais, mas diferenciamos naquilo que sonhamos e no que somos capazes de fazer para alcançar o que se quer. Uns apenas se focam no resultado, descurando tudo o que façam para lá chegar e outros, pelo contrário, apenas vão vencendo batalhas e aprendendo com erros e até mesmo fazendo desses erros trunfos para uma escalada que por vezes parece interminável. Mais vale arriscar e eventualmente cair, do que apenas ficar de pé mas sem contar nenhuma vitória...

Comentários