Nada melhor que o calor do lar...

Dia de sol, hoje está um belo dia de sol e nada melhor do que aproveitar para dar uma voltinha na praia já que hoje ela está bastante perto de mim. Tenho de aproveitar estes momentos em que estou em casa, na minha casa mesmo, para colocar ideias no sítio, para sentir o amor daqueles mais próximos e para rever pessoas que nunca irei esquecer na minha vida. Adoro o sol que faz por aqui, pode não ser diferente do sol que sinto noutros lugares mas aqui é especial, é mais quente é mais meu.
Adoro acordar de manhã e ouvir o barulho das gaivotas pela madrugada à espera dos primeiros barcos que chegam ao areal e que trazem alimento para elas, ou seja, pequenos peixes que foram apanhados numa rede que apenas quer os maiores e melhores peixes para serem vendidos e para sustentarem famílias que dependem do mar e do que ele traz.
É assim, a minha terra é caracterizada por sendo uma terra de pescadores, onde o mar é o sustento de muita gente e onde as mulheres ficam em terra de coração nas mãos à espera que o seu marido volte “são e salvo” de mais uma batalha travada contra uma grande força da natureza que é o mar.
Hoje é assim, mas amanhã sei que tudo será diferente, o mar começa a ser deixado, pois já não consegue dar sustento a todas as pessoas, ai sim as gaivotas partirão para locais mas ricos, que lhes saciem a fome e onde elas acordaram novas pessoas com os seus cânticos que para algumas pessoas rotulados como irritantes mas para mim apenas e somente rotulados de pérolas de uma natureza ainda viva. Amanhã partirei deste local, sei que gostaria de viver aqui para sempre, não sei se foi por um hábito de viver sempre nestas ruas, com estes cheiros e com estas pessoas ou por adorar esta terra com todas as minhas forças.
Sou um lutador por natureza, sempre batalhei por tudo aquilo que quero, por tudo aquilo que sonho, sim, que para mim um sonho não é apenas um sonho e sei que com esforço e com perseverança ele acabará por se realizar e por fazer parte de toda a nossa vida. Um sonho não é uma utopia, está ao alcance de todos nós, está ao meu alcance, ao teu alcance e ao alcance de toda a gente que luta e que não baixa os braços à primeira eventualidade que a vida lhe proporciona.
Hoje não falo em amor porque já falei tudo o que tinha a falar, agora apenas o quero viver, o quero sentir e quero que seja contigo e apenas contigo. Já sabemos que eu não desisto e que luto por aquilo que verdadeiramente acredito, não sei se é por ser uma pessoa um tanto ou quanto mimada que sempre teve aquilo que quer ou apenas por acreditar que tu vales a pena e que contigo os dias ganham outra cor, outro som e outro cheiro. Ponho-me a imaginar como será a minha vida se tu estiveres aqui a meu lado e sabes o que te digo, deixas-me com um sorriso no rosto e com uma grande mas grande felicidade no coração.
Amanhã não sei como será, mas só sei que hoje tenho de aproveitar o que a vida me dá, pois se me deu o que me está a dar é porque o mereço e porque lutei para o ter...

Comentários