Invernos de amor…

Todos nós olhamos para o céu, mas nem todos o vemos da mesma forma, com a mesma imagem, com a mesma cor e até mesmo com o mesmo encanto. Céu, mar, cheiro a terra molhada e uma manta quente enquanto a chuva cai na nossa janela vinda com os primeiros sinais de um inverno que está mesmo a chegar, faz-me recordar de ti do meu sorriso e especialmente da vontade que eu tenho de te abraçar e juntos vermos um filme e bebermos uma taça de champanhe com morangos.
Não sei se este meu pedido é grande ou até mesmo impossível de realizar mas se é para pedir e se é para sonhar quero algo que me deixe mesmo bastante feliz e neste momento a minha felicidade depende da tua presença a meu lado e da tua mão quente quando o inverno se torna mais frio e desagradável.
O inverno marca o início de outra etapa, de outra forma de vida, algo mais verdadeiro mais quente e que de certa forma aconchega mais o coração. Há muita gente que não compreende que eu goste mais do inverno do que propriamente do verão mas para mim tudo tem uma razão e esta questão não é excepção. Com o verão tudo é menos duradouro, tudo é mais fabricado em cima de desejos e vontades que com o final deste tempo quente desaparecem e fazem com que cada pessoa siga caminhos diferentes e distantes esquecendo tudo o que foi dito, olhado, feito e acima de tudo amado. Por outro lado o inverno não, para mim é uma época onde tudo pode acontecer desde acordar de manhã com a sensação de solidão e um frio no coração até a vontade de querer amar de querer fazer alguém feliz e sobretudo ser feliz também. Nesta época o sentimento é diferente é puro e construído sobre uma base sólida caracterizada pelo frio e pela chuva de inverno.
Quem não gosta de sentir aquele abraço especial vindo de alguém ainda mais especial em pleno inverno quando saímos de casa mas a nossa vontade é permanecer na cama? Eu sou sincero adoro e luto cada dia mais para voltar a encontrar esse mesmo abraço, aquele abraço quente, caloroso, e cheio de amor que nos aquece fisicamente e que nos enche o coração de uma forma tal que somos capazes de levar a sorrir o dia todo por mais que esse dia seja uma tremenda monotonia.
Todos nós temos sentimentos, uns com eles a flor da pele e outros com eles mais cristalizados e escondidos dentro de um local chamado coração, mas acima de tudo isso, todos nós procuramos o verdadeiro amor, aquele com que sempre sonhamos, por isso abre a janela sente o ar frio a entrar dentro de ti e sai para a rua que haverá no meio de caras e sorrisos aquela pessoa que um dia estará contigo para enfrentar até aquele inverno mais frio.
Nem sempre somos capazes de admitir os nossos sentimentos e os nossos sonhos, mas com essa submissão acabamos por nos isolar e esquecer o que o mundo tem para nos dar. Lutem, vivam e ACORDEM para a vida que ela assim passa por vocês e esquece-se que estão ai à espera que o amor vos bata a porta…

Comentários