Falso escritor de histórias de amor…

Dou por mim assim a escrever de um sentimento que nem sempre aparece na minha vida, o amor. Mas o que será que ele representa para mim? Porque será que escrevo deste sentimento e o transmito por palavras de uma forma que não consigo expressar por gestos ou até mesmo por olhares? Sou uma pessoa que não gosta muito de arriscar ou por medo de dar um tiro no escuro ou por medo que tudo não passe de uma ilusão da minha cabeça a que o coração obedece sem questionar.
Se um dia me perguntarem; Achas que fazes bem em ser assim? A minha resposta é sim, respeito quem me respeita e quando amo, amo de verdade independentemente de olhares indiscretos, de pessoas maldosas e até mesmo de ter de abdicar de supostos amigos que mais tarde acabam por mostrar a sua verdadeira faceta. Para mim o amor está a cima de tudo era capaz de correr montes e montanhas, atravessar oceanos e até mesmo escalar a mais alta montanha para chegar a quem quero e ser feliz a minha maneira.
Ninguém é feliz sozinho, todos nós procuramos por alguém, que nos complete que nos faça companhia, que esteja sempre ali mas especialmente alguém que nos ame como nos a amamos. Há pessoas que surgem todos os dias na televisão, no nosso grupo de amigos ou até mesmo em conversas de café a dizer que são felizes sozinhas e eu a isso só digo uma coisa; é pura mentira. Toda a gente sonha com alguém na sua vida e se não sonha é porque não ama e apenas vive para ver as horas a passar pelo seu corpo e a deixar marcas que nunca mais se vão apagar.
Não quero te ver assim distante, ausente e esquecida do mundo que te rodeia a toda a hora e das pessoas que passam pela tua vida. Quero que vivas, que aproveites cada minuto da tua vida pois o tempo não volta a traz e se a não viveres agora mais tarde irás te arrepender de ter perdido parte da tua vida escondida e na sombra daqueles que te circundam.
Quantas vezes sonhaste com estes dias de liberdade de soltares as amarras e de te aventurares numa vida nova? Muitas vezes acredito, por isso não percas tempo agarra tudo o que poderes com unhas e dentes e acima de tudo faz-me o favor de seres feliz.
Toda a gente procura a sua alma gémea num mundo cheio de falsos actores e falsas actrizes mas nem toda a gente tem a sorte de a encontrar, por isso luta, batalha e corre em direcção a esse amor pois se não te fazes a vida não é a vida que se faz a ti…

Comentários

Enviar um comentário