Simplesmente...

Quebra-me o tempo, as barreiras que me fazem não te ver, quebra-me as grades, faz-me amar-te com toda a intensidade. Faz de mim um homem de valor, homem que sonha, homem que te faz sorrir. Desperta em mim a vontade, o desejo, o beijo. Olha-me nos olhos, toca-me a alma. Faz de mim personagem principal da tua história, guerreiro de lutas travadas a dois, espelho dos caminhos que ambos desenhávamos com a vontade de viver. Faz-me acreditar, acreditar em ti, hoje, amanhã, sempre. Conquista-me com uma palavra, com um abraço, com uma luta, com um primeiro passo. Faz-me arriscar, tudo o que tenho, tudo o que não tenho, faz-me viver assim, sem fim, sem minutos, sem desculpas. Fomenta em mim a tua memória, faz-me ser o teu cuidador, quem te guarda, quem te ampara. Partilha comigo cada momento, cada fragmento, cada lágrima e, sobretudo, cada vitória. Faz-me ser teu, agora, sem demora, no Verão, no Inverno, na proximidade e na distância. Faz-me ver-te, ver o que queres, o que desejas, o que te move, os sonhos que te compõem. Declara-te numa música, eu respondo-te num verso, mostra-me a alma que te reveste que eu, eu, cobro-te com todo o sentimento que nutro pelo teu ser...




Comentários

  1. Obrigada :)

    Acredita que estou a fazer o melhor dos melhores. Confesso-te, estou esgotada,
    Ando numa pilha de nervos..
    Mas vale TANTO a pena.
    Por mim, dou assim o máximo dos máximos todos os dias, para o resto da minha vida :)
    bj

    ResponderEliminar
  2. Obrigada :)
    Tenho tentado mesmo!
    Eu acho que sempre foi verdadeiro. O carinho que sentia sempre foi genuíno. O quere cuidar, dar miminhos etc etc.
    Mas sim mudou muita coisa e confesso que foi melhor assim. Tornar-me mais tolerante, um bocadinho mais calma, mais "carente" digamos, mais humana.. e mais eu.
    Fez.me bem. E eu também quero estar a altura para dar o melhor q eu puder dar, Para dar todo todo o meu amor. Entregar o meu coração, sem jogos de gato e rato, sem preconceitos, sem ... Sei lá. Só amor. Ir vivendo o amor :)

    ResponderEliminar
  3. Concordo com tudo.
    Mas confesso q tenho muito muito medinho ainda.
    Não é incerteza, indecisão ou sequer inexperiência. É medo. É o "aii como será", "o q e q eu digo", "o q é q eu faço". E eu sei que é um medo sem fundamento nenhum.
    A minha vontade era chegar ao pé dele e dar-he um abraço, mesmo mesmo apertado e ficar assim até a vergonha passar. Porque sei que ia passar. Sinto-me mesmo bem ao pé dele.
    Pessoas tímidas... é o que é xD

    ResponderEliminar
  4. liberta os sonhos dentro do coração. Faz toda a vontade ser o caminho mais sublime até junto do que existe além horizonte.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário