Encontrei as palavras certas...


Pedia um pouco em silêncio, pedia um pouco de ti em silêncio e assim me deitava sabendo que sonharia contigo. Em segredo contava cada marca do teu rosto, contava cada pequeno pormenor que muitos não viam mas que eu guardava apenas para mim. Num simples olhar dizia-te baixinho o meu sentimento, dizia-te por entre o silêncio o que o meu coração ditava. Nas palavras que escrevia denunciava a minha paixão, falava-te ao coração de forma suave, delicada, diferente de muitos, apenas fiel ao que hoje sou. Em segredo, neste segredo que hoje aqui falo passava horas a ver as tuas fotografias espelhadas no meu ecrã, dormia com o teu rosto na minha memória e acordava com o doce encanto do teu sorriso que me alegrava os dias. Secretamente, secretamente ia-me apaixonando a cada dia mais por ti e, com o passar dos dias, essa mesma paixão deixou de ser apenas isso, para se tornar um grande amor, o amor da minha vida. Falo assim, sim, porque sei que é o amor da minha vida, aquele que marca, que tatuou em mim e que me tornou uma pessoa melhor, que me fez ver o quão significado tem este sentimento capaz de mover montanhas, romper barreiras e me criar esta sensação no estômago que tão vivo me faz sentir. Neste segredo, neste segredo que aqui te conto, fui feliz, fui eu, fui sempre eu esperando o teu olhar colado ao meu, o teu corpo aninhado no meu, o teu abraço entrelaçado com o meu, os teus lábios tocando nos meus. E agora perguntas-me como é o presente e eu respondo-te o meu presente é igual a todas estas palavras, igual o que eu sempre fui,

A tua maior paixão...




Será que ainda vamos a tempo? 
O tempo nunca existe sempre que há amor...





Comentários

  1. Esta música sempre me disse muito. É bom ouvi-la ao mesmo tempo que decifro as tuas linhas. Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. André quero que concorras ao meu concurso como sou fã dos teus textos é um privilegio que concorras no meu concurso :) PENSA e se quiseres tens até o dia 21 para tal um beijo

    ResponderEliminar
  3. Engraçado é que eu ainda não consegui encontrar as palavras certas.
    Talvez seja, por ainda eu não encontrei com quem possa falar, tais palavras.
    Essa musica me faz chorar.

    Bej
    http://minhaformadeexpressao.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  4. Olá

    Mas então tu não encontras sempre as palavras certas? eu acho que sim xD

    Bem, mais uma vez a fazer aquilo que fazes melhor, certamente farás outras coisas tambem, lol, mas pelo menos pelo que vejo sempre na escrita estás sempre em altas.

    Este texto está muito interessante a forma como expões um segredo em segredo, cá para mim foste inspirado na casa dos segredos para tal, hhehehe!

    Forte Abraço

    ResponderEliminar

Enviar um comentário