Hoje...

Segura, ama, por um momento, por uma vida. Dá de ti, mostra, agarra antes que a vida te faça perder, antes que o amor te escorra por entre os dedos finos que não conseguem segurar. Sorri, sorri e acredita em ti, se tens amor és uma alma viva, um coração que sente, sem demora, sem outrora, sem desculpas, apenas que ama, apenas que quer viver. Dá os passos que tens de dar, segue os caminhos, ama-me que eu te amarei, hoje, amanhã, uma vida inteira. Acredita no teu amor, cultiva esse sentimento que sentes, dá o que tens, receberás o que de melhor tenho. Faz deste sonho realidade, desta realidade, felicidade, desta felicidade, momentos que perduram no tempo, que resistem nas horas. Fica aqui que eu fico em ti, fica neste nosso mundo, forma comigo sonhos e faz da minha força a nossa força. Ama sem tempos, ama sem barreiras, eu gosto tanto do real, do palpável, daquilo que passa por entre as letras e te faz sorrir, e me faz sorrir. É a hora, é a hora desta vida me dar o que tanto quis, te dar o que tanto sonhaste. Seguiremos sem complicar, amando, apenas amando, simplesmente, fortemente, eternamente. Das aventuras faremos um presente, um futuro, um querer tão sonhado, tão desejado. Viveremos hoje do toque, do olhar, do amar, formaremos a nossa história, retomemos o nosso amor. O sentimento quando vive em nós não podemos fugir, ignorar, partir ou até mesmo esquecer, porque a felicidade não espera, vive-se...




Ou lutas por viver hoje, ou nuca mais viverás o que tanto queres. Tudo depende de ti, tudo depende da tua força...

Comentários

  1. o texto esta lindo , sigo (:

    all-that-i-say-you-always-say-more.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Mudaste o teu blogue. Está lindo!
    Amei o texto.
    Beijinho André

    ResponderEliminar
  3. Sabes? O teu blog esta perfeito com este aspecto, e este teu texto brilhou em especial no meu coração, porque me tocou comparando-se com algumas fazes da minha vida, sabes? A felicidade é isso mesmo, algo que nao espera, algo que se vive, algo unico, algo verdadeiro, algo puro...algo nosso e partilhado com coisas ou pessoas*
    Beijinhos meu querido amigo André, espero por ti e pela tua opinião no meu espaço,
    Pensando com Arte! *

    ResponderEliminar
  4. Olá, eu concordo que quando se ama tem que se amar de verdade e nao se pode entregar a qualquer um ou usar a palavra "amo-te" banalmente como muita gente o tem feito hoje em dia, acho isso repugnante e magoa-me de facto magoa-me o modo como o fazem hoje em dia...mas vou desiludir-te, porque neste meu texto nao falo de entrega a alguém, nem de amor, até porque nao sou assim, nao sou de me entregar, gosto demasiado da liberdade...percebes-me? nao pertenço a ninguem nem tenciono pertencer, sou eu mesma e acho que cada um pertence somente a si, percebes? nao quer dizer que nunca vá amar, mas para mim quem ama ama com distancia, com complexidades...com tudo... mas acima de tudo tenho os meus objetivos e a minha liberdade * :) sou assim ...
    E aquele texto é uma entrega pura a Natureza, somente, porque gosto muito dela e ela própria me transmite liberdade e paz, ela propria é um orgulho para mim, sabes? (:
    Um Beijo, esperando por ti no meu espaço, caro amigo André e ... vou confiar, sou a Beatriz, a Beatriz Magalhães(:

    ResponderEliminar
  5. Como me compreendes tão bem? (:
    Obrigada por isso, André e sabes...sê livre, sê teu...nunca deixes de te viajar, vais ver que é bom sabes? E viajar as letras do mundo, as folhas e o vento do nosso mundo, as cores dos caminhos... (:
    Ora nem mais, por isso é que disse que nao queria dizer que nunca amasse... mas os nossos projectos, os verdadeiros projectos, são aqueles que devemos e temos sempre de lutar por eles e devemos tratar como VIDA, como se fossem vida, compreendes?
    Um Beijinho André :)

    ResponderEliminar
  6. Não podia ter recebido um comentário melhor que o teu. Definitivamente disseste tudo em tão poucas palavras. Realmente vivemos sempre naquele dilema.
    Obrigada :) bisou bisou*

    ResponderEliminar
  7. gosto da maneira como te expressas, da intensidade dos teus textos, escreves muito bem, estou a seguir (:
    beijinhos e resto de uma boa semana

    ResponderEliminar
  8. Como sempre, emocionando... disse tudo neste fragmento: "Ama sem tempos, ama sem barreiras,"... perfeito em tudo!

    ResponderEliminar
  9. é verdade, a vida devia-se resumir ao Hoje, hoje é o dia. Todos os dias deviam ser o nosso dia D, e nao deixar os sonhos para amanha.

    Além disso o dia em que decidimos avançar é o nosso dia de sorte, por isso vamos faze-lo todos os dias ;)

    Abraço

    ResponderEliminar

Enviar um comentário