Sentimentos...

A prosa que um dia escrevi hoje apenas leio, aquela prosa que fala de um amor que vive em mim, ancorado neste meu peito repleto de sonhos e projectos. Nos meus olhos brilha a meninice de um conto de fantasia, de uma história de amor em que dois corpos se procuram, em que dois corações se fundem. Cresci na doce ilusão de um viver intenso, de um querer verdadeiro, incapaz de se enganar, incapaz de enganar alguém. Gosto de avançar por caminhos longos, dispenso os atalhos que tanto podem dar, mas com a mesma facilidade acabar com efémeros capítulos ou até mesmo insensatos sentimentos. Já fui o espectro do que tanto queria, já perdi a força quando a deveria ter mas aprendi com cada erro que fui cometendo, aprendi que a nossa felicidade, primeiramente, deve ser formada em nós e, depois, partilhada com quem desejamos, com quem amamos. É engraçado o que a vida nos mostra, é engraçado como tudo se altera dando o alento de um melhor dia amanhã, dando a certeza que tanto se modifica desde que se tenha vontade de mudar, desde que se tenha vontade de avançar largando um passado que fez parte de nós mas que, certamente, não irá formar o nosso futuro. Tem de se viver um presente, de agarrar o verdadeiro e lutar pelo desejado, deve-se dar o que podemos de nós recebendo também, porque se assim não for, apenas resta partir porque antes de amarmos alguém, deveremos amar a nós próprios...




O importante é viver hoje, o importante é viver agora, sem desculpas, sem orgulhos, sem medos. Tanto se vive, tanto se perde, importante é agarrar o que se quer, importante é se lutar por o que nos faz viver...

Sejam livres e deixem a vossa opinião, este meu “cantinho” sobrevive das vossas palavras, das vossas passagens por cá. Os comentários encontra-se abertos para todos, deixem um pouco de vós, levem um pouco das minhas palavras... Beijos e Abraços...

Comentários

  1. (novo post no blog de fotografia, passa por lá e se gostares das novas fotos clica em "gosto")

    ResponderEliminar
  2. Sinceramente fico muito agradecido, muito agradecido mesmo pelas tuas palavras. São comentários como o teu, que me façam sempre ter força e garra para levar o projecto para a frente, muito Obrigado!

    Bem, falando agora de ti, ou melhor dos teus texto, podes acreditar que gosto mesmo, para mim é um gosto poder vir aqui e ler este post. Acredita que ganho sempre inspiração para o dia a dia e acima de tudo para o projecto =)

    Falando deste de hoje, como sempre gostei. Acho fantástico a tua dica que dás aos caminhos longo, é verdade devemos sempre tomar o caminho longo, colher tudo a que temos direito e nao nos contentar com atalhos.

    Forte Abraço

    ResponderEliminar
  3. Obrigada, obrigada por cada palavra que com carinho vens dizer, obrigada pela opinião e especialmente por leres o meu "cantinho". Tens um dom para a escrita, uma forma de escrever que faz o leitor entrar e sentir cada palavra. Cativas e isso é uma coisa difícil de fazer. Beijo*

    ResponderEliminar
  4. Mais uma vez gostei muito do que escreveste. Não me canso de passar por cá :)

    ResponderEliminar
  5. Muito inspirador :)

    Aparece no meu cantinho.

    http://littlemissbf.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Enviar um comentário