Espelho do meu Eu...

Insignificante olhar, toque de mel perdido nas aventuras de uma noite, nas fracas palavras que ninguém recorda. Prefiro ser assim, complicado nas minhas decisões, cuidadoso nas minhas escolhas. Prefiro ser verdadeiro, construir verdades e não mentiras, viver histórias e não efémeros capítulos que me aquecem o corpo e não o coração. Sei que tenho a minha singularidade, que gosto do que é meu, que acredito em sonhos e no poder deles, na força que me dão. Não duvido das histórias que ouvia em criança, das histórias repletas de magia em que o amor era desinteressado, verdadeiro, em que duas pessoas davam o seu coração, em que dois amantes se entregavam sem mascaras, sem barreiras nem fronteiras. Desculpem esta minha forma de pensar, este meu romantismo que faz de mim a pessoa que sou, deste amor que tenho dentro do meu peito e que sem ele jamais seria feliz. Vivo de sonhos, vivo da intensidade das palavras e da demonstração de gestos que aquecem a alma, que reconfortam o coração de quem sente cada instante, de quem repara em cada pormenor. Sou assim, simples e complexo, verdadeiro e real, se amo, amo para a vida, nem que sejam as recordações que sempre ficam, as imagens que perduram, as músicas que ecoam e o cheiro que faz lembrar, que impede de esquecer...






Comentários

  1. Muito original, gostei da forma como apresentas te, faz nos lembras da velha fases: espelho meu, espelho meu ...
    como sempre, acho incrivel a forma como escreves, queria eu escrever metade, sou muito confuso a escrever hahahah

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. É uma forma de viver e pensar com que eu concordo. Gostei muito :)

    ResponderEliminar
  3. Não peças desculpa, esta minha maneira de ser é tão igual à tua... somos estranhos à nossa maneira! Percorremos os caminhos dos sonhos sempre com os pés bem assentes no chão. Queremos amar da forma mais verdadeira e transparente que existe. Não há mal nisso, é isso que nos mantém presentes. :) Adorei o texto, como sempre um magnífico texto! Um beijinho *

    ResponderEliminar

Enviar um comentário